Ir para Navegação do Site Ir para Conteúdo principal Ir para Navegação Principal All 3M.com Site Map

Seletor de Óculos de Segurança

Fazendo a escolha certa do seu óculos de segurança

Veja abaixo algumas explicações para a escolha correta dos Óculos de Segurança 3M.

O que é CA?

O Certificado de Aprovação (CA) é obrigatório para todos os equipamentos de proteção individual (EPIs) segundo a NR 6, ele é emitido pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) para EPIs que atendam as normas vigentes no Brasil.

No caso dos óculos de segurança, as amostras são encaminhadas para um laboratório credenciado no MTE que emitirá um laudo com os resultados das amostras nos testes de desempenho. Através desse laudo o MTE emite o CA e indica a proteção para a qual o óculos é indicado.

O MTE adota a norma americana ANSI Z87.1-2003 como padrão a ser seguido para óculos de segurança no Brasil.

O que é NR 6?

A Norma Regulamentadora nº 6 (NR 6) publicada pelo MTE foi escrita de forma que define o que é EPI e também direciona o papel de cada um e atribui responsabilidades no que se refere a equipamentos de proteção individual.

Essa NR lista os tipos de EPIs e a proteção que cada um deles pode oferecer ao usuário. Ela deve ser seguida por empregadores, trabalhadores, fabricantes e importadores.

Quando o uso de Proteção Visual e Facial é necessário?

A proteção visual e facial deverá ser adotada sempre que identificados riscos aos olhos e face através da realização de uma análise de riscos. Quando houver qualquer risco de exposição como a partículas volantes, metal derretido, respingos de líquidos ácidos ou básicos, gases ou vapores, ou radiação luminosa potencialmente danosa deve-se adotar proteção visual de acordo com o risco aos olhos e face.

O que é ANSI?

O American National Standards Institute (ANSI) é uma organização privada que supervisiona o desenvolvimento de normas de consenso voluntário para produtos nos Estados Unidos . O ANSI credencia normas que são desenvolvidas por representantes de organizações que desenvolvem normas, agências do governo, grupos de consumidores, empresas e outros.

ANSI/ISEA Z87.1-2003 Occupational and Educational Personal Eye & Face Protection Devices

"Esta norma estabelece critérios relacionados aos requisitos gerais, testes, marcação permanente, seleção, cuidado e uso de protetores para minimizar a ocorrência e severidade ou prevenir danos, para riscos como impacto, radiações não-ionizantes e exposições químicas em ambientes profissionais e educacionais, incluindo mas não limitando a, operações de máquina, corte e solda de materiais, manuseio químico e operações de montagem."

Quais tipos de tratamento de lente estão disponíveis para os óculos de segurança?

Os tratamentos são aplicados nas lentes para melhorar a performance do óculos. Os tratamentos tem propriedades que melhoram a resistência a riscos, minimizam o embaçamento ou reduzem a estática. Nenhum material de confecção de lentes é a prova de riscos. Entretanto, uma lente tratada com uma cobertura antirrisco, transparente melhora a resistência aos riscos. Lentes de policarbonato, que proporcionam grande resistência a impactos são facilmente riscadas. A propriedade de maciez do policarbonato normalmente requer a aplicação de um tratamento resistente a riscos para melhorar sua durabilidade. Outros tratamentos como o anti-embaçante, são aplicados na lente para melhorar a performance em ambientes severos. Tratamentos anti-embaçante normalmente não são permanentes e irão corroer após seguidas limpezas. O cuidado apropriado e limpeza das lentes anti-embaçantes, seguir as recomendações do fabricante irá ajudar a manter a performance do tratamento.

A 3M Oferece:

  • Antirrisco (A/R)

    Oferece resistência a riscos para o policarbonato, que tipicamente risca com facilidade sem tal proteção.

  • Anti Embaçante (A/E)

    Ideal para trabalhadores em condições extremamente quentes, frias ou úmidas. O tratamento ajuda a prevenir o embaçamento dos óculos de segurança, que pode levar à redução do campo de visão.

  • DX™ Anti Risco, Anti Embaçante, Anti Estática e Anti Ataque Químico

    Desenvolvido internamente, DX é simultaneamente tratamento anti risco e anti embaçante, oferecendo resistência a abrasão e auxilia na prevenção ao embaçamento, acabando com a necessidade de adquirir um óculos de segurança com dois tratamentos diferentes. Também melhora o desempenho da lente contra ataque de produtos químicos e contra adesão de sujeira por estática.

Como é a feita a seleção adequada de proteção visual e facial?

A proteção visual e facial deve ser feita baseando-se nos riscos ao que o trabalhador está exposto. O primeiro passo crítico em desenvolver um programa de saúde e segurança abrangente é identificar os riscos à saúde no local de trabalho. Esse processo é conhecido como “análise de riscos”. O empregador deve analisar o local de trabalho e determinar se o risco presente requer o uso de proteção visual e facial, antes de distribuir os EPIs aos trabalhadores. Uma análise de riscos conduzida adequadamente identifica as atividades de rotina e fora da rotina e tarefas que possuem maior risco de exposição aos riscos aos olhos e face.

Quem tem a responsabilidade de conduzir a análise de riscos?

A análise de riscos é responsabilidade do administrador de saúde e segurança do trabalho.

É obrigação do empregador e do empregado auxiliar na redução da possibilidade de exposição aos riscos.

A análise de riscos deve começar com uma caminhada de reconhecimento no local para desenvolver uma lista de potenciais riscos de acordo com os seguintes aspectos:

  • Impacto (Partículas volantes, objetos, sujeira, areia, etc.)
  • Poeira (Incômodo da poeira)
  • Químico (Respingos e névoas irritantes)
  • Radiação Óptica
  • Calor (Fagulhas, respingos de metal derretido, exposição a altas temperaturas)
  • Radiação Óptica-Solda, cortes, etc.
  • Iluminação em Geral (Fluorescente /Incandescente, Luz Fraca)
  • Aplicações Especiais (Inspeção, Reparo, Trabalho Detalhado)

O que é Radiação Ultravioleta?

O principal perigo originado do sol está na forma da radiação ultravioleta. A radiação UV também pode ser emitida por fontes artificiais como equipamentos de solda ou bronzeamento artificial. Os raios ultravioleta possuem comprimento de onda mais curto e mais energia que os raios de luz visível e podem causar efeitos danosos agudos ou crônicos, dependendo do comprimento de onda, nível de energia e tempo de exposição. A radiação ultravioleta pode ser dividida em três categorias:

  • UVA (320 - 380 nm)

    Raios UVA são absorvidos pela lente do olho. A exposição prolongada aos raios UVA podem levar ao desenvolvimento de catarata.

  • UVB (290 - 320 nm)

    UVB é a forma fisicamente dolorosa da radiação ultravioleta. Exposições ao UVB podem temporariamente danificar a córnea. Essa faixa de radiação causa câncer e queimadura do olho e tem sido associada a danos internos aos olhos

  • UVC (200 - 290 nm)

    O UVC é absorvido pela camada de ozônio na atmosfera e não chega a atingir os olhos. Exceto se for gerado artificialmente por algum equipamento.

O que é Luz Visível? E luz Infra-vermelho (IV)?

  • O que é luz visível (IV)?

    Luz visível é a parcela do espectro de luz que o olho reconhece como cor. Nesse espectro, os óculos de segurança lidam com brilho intenso ou a claridade do sol. A quantidade excessiva de luz visível causa incômodo a olhos desprotegidos e pode reduzir a percepção visual.

  • O que é Infra-Vermelho (IV)?

    É a frequência de ondas logo abaixo da extremidade vermelha do espectro de luz visível, nós não podemos vê-la, mas podemos detectá-la como calor. Se você ficar exposto a um infra-vermelho intenso por um longo período de tempo sem proteção, você provavelmente irá experimentar uma sensação de queimação ou ardência nos olhos. A exposição frequente pode no longo prazo levar ao desenvolvimento de catarata.

Por que a cor da lente é um fator importante?

As lentes são oferecidas em diversas tonalidades e cores por várias razões, incluindo a redução da exposição ao UV e IV, melhoria da acuidade visual, redução da luminosidade ou preferência de estilo. As condições de iluminação do ambiente de trabalho e a necessidade de filtrar determinada frequência de onda da luz visível direcionam para a melhoria da acuidade visual e redução da luminosidade requerida. Exemplos de cores de lentes comumente usadas e aplicações específicas onde essa cor de lente deve ser usada são apresentadas abaixo.

Clique aqui para visualizar a tabela ampliada